Consultórios
Sexo & Afectos
Amar um homem casado
por Quintino Aires
Um casal precisa de desentendimentos para ser considerado casal, mas o entendimento deve assegurar a relação, de forma a que os desafios sejam superados. E, ainda que tal não aconteça, um homem casado dificilmente deixa a mulher e os filhos para continuar com a boa imagem perante a sociedade, sendo ela a de homem bem sucedido e bom chefe de família
  • Partilhe
SEXTA-FEIRA 16 JANEIRO - 08H

O amor é realização, alegria, felicidade. Todos os que amam sabem que existem sempre desafios no dia-a-dia. Um casal sem desentendimentos não é um casal, são duas pessoas uma ao lado da outra. Mas o balanço entre o stress e a felicidade deve ser claramente favorável à felicidade para que aquela relação se justifique, para que aquele amor seja digno desse nome.

E o que existe numa relação de amantes, quando ele é casado e ela espera infinitamente o dia em que ele se divorcie e assuma esta nova relação? Angústia e sofrimento. Ora isso não é amor. Claro que no princípio tudo parece ser muito interessante. Muitas vezes escutei defenderem que o melhor é mesmo o lugar de amante. Diziam-me que tinham as partes boas e não tinham que viver as partes más. Não? E quando a solidão aperta, quando a angústia e as preocupações fazem desejar um abraço? Não está lá ninguém!

E naquelas datas que todos nos habituamos a festejar desde pequenos, como Natal, Páscoa, aniversários e férias? Não está lá ninguém! E mesmo que a esperança iluda, e faça ainda acreditar que um dia poderá ser possível, o desespero tantas vezes sentido já se vai sobrepondo à fantasia e a esperança começa a ficar intermitente. Não adianta. Um homem casado não vai nunca deixar a mulher e os filhos, nem a imagem bonita de homem bem sucedido e bom chefe de família que tem para mostrar à sociedade. Pode até ser verdade que na cama nada acontece entre ele e a mulher com quem está casado. Mas isso é lá dentro; porque para fora, para a família alargada e para os amigos e colegas, ele continua a ser um exemplo para todos.

O exemplo que dá origem à admiração que ele não merece, mas também não quer perder.

www.oquintinoexplica.pt 

Lisboa: 218 124 203 

Porto: 222 016 312

Ler mais tarde
A notícia foi guardada na sua lista de notícias favoritas. Faça a gestão dessa área na sua conta.
Partilhe
223
Comente
0
mais crónicas de
Sexo & Afectos
horoscopo
EM DESTAQUE
SAGITÁRIO
23 NOVEMBRO - 21 DEZEMBRO
OUTROS SIGNOS
a ferver
Copyright 2014 - Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. - Grupo Cofina. Consulte as condições legais de utilização.