Crónicas
Jornal Nacional
É hora de dividir o mail pela aldeia
por Leonardo Ralha
Rosto de programa televisivo que procurou inspiração nos anos 40 também faz solidariedade de serviço público.
  • Partilhe
SÁBADO 05 AGOSTO - 00H
Vanessa Oliveira
Bem podem os críticos de televisão apontar arrepiantes paralelismos entre o ‘7 Maravilhas de Portugal - Aldeias’ da RTP e o elogio da ruralidade na propaganda do Estado Novo, mas Vanessa Oliveira encara o programa de que é coapresentadora com um olhar bem mais benévolo.

"É brutal pensar que se pode estar numa pequena aldeia, algures no País, e continuar ligada ao Mundo. Explicando melhor: é possível viver numa aldeia, ter qualidade de vida e continuar a ter acesso a tudo, graças às novas tecnologias", disse à ‘TV Guia’ a grande partidária da wi-fi, valendo-se da sua experiência, já que os pais levaram-na para Santo André quando era miúda, devendo considerar-se um mero detalhe que a referida localidade seja uma cidade do litoral alentejano.

Outra mudança significativa, feita há três anos, foi da SIC para a RTP, e Vanessa acredita que o balanço é muito positivo. Até porque além de programas como o mexido e viajado ‘Danças no Mundo’, agora orienta e dá a cara pela plataforma de solidariedade RTP+.

"Esta escolha não foi inteiramente inocente, já que eles sabiam que eu já tinha uma experiência idêntica com a SIC Esperança", garantiu a apresentadora.

Louva-se a sinergia privado-público, embora seja certo que a maioria das pessoas irão pensar que RTP+ significa um aumento na contribuição audiovisual...  

Fernanda Serrano
Provas fotográficas de felicidade familiar  
"Constantes rumores sobre o fim do casamento" de Fernanda Serrano foram contrariados pelos "retratos familiares felizes" que um fotógrafo da ‘Caras’ fez na praia dos Salgados. "Somos uma família normal, igual a todas as outras", disse ela. Apenas com melhor timing?  

Jessica Athayde
Com ligeiro receio da próxima geração  
Veterana da televisão em tenra idade, Jessica Athayde revelou uma inquietação à ‘Lux’: "Faço papéis com filhas de dez, e tenho 31 anos. Se calhar, daqui a poucos anos já sou avó!" Algo perfeitamente evitável se tiver ‘aquela’ conversa com as filhas das personagens.   

Carolina Loureiro
Literalmente com o Mundo a seus pés
Presente num evento de uma marca de calçado, Carolina Loureiro admitiu a sua relação privilegiada com botas. "Tenho umas de estimação que não deixo a minha mãe deitar ao lixo. Já conheceram muitos países", disse à ‘Lux’. Imagine-se se essas botas falassem...
Ler mais tarde
A notícia foi guardada na sua lista de notícias favoritas. Faça a gestão dessa área na sua conta.
Partilhe
0
Comente
0
mais crónicas de
Jornal Nacional
horoscopo
EM DESTAQUE
SAGITÁRIO
23 NOVEMBRO - 21 DEZEMBRO
OUTROS SIGNOS
a ferver
Copyright 2014 - Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. - Grupo Cofina. Consulte as condições legais de utilização.