SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER
Crónicas
Sociedade Recreativa
Mudança
por Fernando Sobral
Este novo disco parece beber muito em ‘Black Cherry’, de 2003.
  • Partilhe
SÁBADO 22 ABRIL - 00H
Há algo que parece muito claro no sétimo álbum dos Goldfrapp: o fascínio pela transformação. Nada que se estranhe muito quando recordamos dois discos anteriores: ‘Supernature’ (de 2005) o o seu sucessor acústico, ‘Seventh Tree’.

Estão ali definidas as margens da sua música, já que depois desses álbuns o grupo de Alison Goldfrapp foi assimilando os dois universos, criando um som abrangente e encantador. Lembre-se que em ‘Tales of Us’ se escutava uma música rica em cordas e guitarra acústica, como se fosse tempo de uma pausa no mundo electrónico.

Este novo disco parece beber muito em ‘Black Cherry’ (de 2003), onde a mistura de electrónica indolente se cruzava com batidas típicas do glam-rock. Se este recente álbum é talvez um dos menos brilhantes do grupo (escute-se, por exemplo, ‘Anymore’ ou ‘Everything is Not Enough’), porque não nos traz momentos memoráveis, está aqui toda a competência criativa do grupo. 

Só não existe o inesperado. Em ‘Zodiac Black’ a voz de Alison parece perdida no meio do ruído, como se estivesse num Labirinto de Minotauro de onde não sabe sair. E não foi a isso que os Goldfrapp nos habituaram com o seu sentido pop muito refinado e que nos foi conquistando ao longo de mais de uma década.

Talvez a melhor faixa deste disco seja ‘Moon on Your Mouth’, onde estão todas as qualidades que fizeram do grupo um exemplo de criatividade iluminada. Mas, chegados ao fim, ficamos com a sensação de que falta aqui a surpresa típica de um grupo que sempre fez da transformação de disco para disco a sua grande força energética.
Ler mais tarde
A notícia foi guardada na sua lista de notícias favoritas. Faça a gestão dessa área na sua conta.
Partilhe
0
Comente
0
mais crónicas de
Sociedade Recreativa
horoscopo
EM DESTAQUE
SAGITÁRIO
23 NOVEMBRO - 21 DEZEMBRO
OUTROS SIGNOS
a ferver
Copyright 2014 - Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. - Grupo Cofina. Consulte as condições legais de utilização.