Adele recusa ser associada a Trump

Cantora proíbe candidato à presidência dos Estados Unidos de usar as suas canções em campanhas.
A carregar o vídeo ...
Adele participa no 'Carpool Karaoke'
01 fev 2016 • 20:54
C.T.
Adele decidiu proibir Donald Trump de usar as suas músicas nas campanhas políticas que faz. O candidato à presidência dos Estados Unidos tem colocado temas como 'Skyfall' e 'Rolling In The Deep' antes de discursar, algo que não foi autorizado pela cantora.

Esta postura de Adele em não querer ser associada a Trump está relacionada com o facto de não ser apoiante do republicano, que está constantemente envolvido em polémicas devido aos seus discursos, e foi tomada após as crtíticas dos fãs da artista britânica feitas nas redes sociais. "Adele nunca deu permissão para que a sua música seja utilizada em qualquer campanha política", comunicou um porta-voz da cantora ao 'The Independent'.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo