Advogado de Mayorga encontra-se com inglesa

Jasmine Lennard acusa Ronaldo de ser um “psicopata” e de a ter ameaçado de morte.
Leslie Stovall pode usar testemunho da britânica em tribunal, a favor de  Kathryn Mayorga
Leslie Stovall pode usar testemunho da britânica em tribunal, a favor de Kathryn Mayorga
Foto: Direitos Reservados
17 jan 2019 • 01:30
Patrícia Correia Branco
Nos próximos dias, a inglesa que acusou Cristiano Ronaldo de ser um "psicopata" e de a ter ameaçado de morte, depois de os dois terem tido uma relação amorosa há 10 anos, vai encontrar-se com o advogado de Kathryn Mayorga.

Leslie Mark Stovall, que representa a americana que acusou o craque de a ter violado em Las Vegas, em 2009, está em Londres e, segundo um comunicado enviado às redações pela sua equipa, vai ter reuniões com Jasmine Lennard e os seus advogados.

O objetivo de Stovall é perceber se pode usar o depoimento da modelo em tribunal para dar mais força à história da sua cliente.

Recorde-se que, depois de esta acusação de violação ter vindo a público, Stovall fez um apelo para que as mulheres que se envolveram com Ronaldo, em alguma fase da sua vida, o procurassem.

Por isso, não é de estranhar que o advogado esteja disposto a ir a Londres para ouvir Lennard.

O jogador já se declarou inocente de todas as acusações. Até ao verão, terá de enviar uma amostra de ADN para as autoridades americanas.

Noite polémica em Las Vegas
Ronaldo e Mayorga conheceram-se na discoteca do hotel Palms, em Las Vegas, a 12 de junho de 2009. A seguir foram para o quarto de hotel do craque, onde a jovem diz ter sido violada.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo