António Pedro Cerdeira nega agressões e avança com processo contra a "ex"

Ator garante ser a vítima no caso.
António Pedro Cerdeira
António Pedro Cerdeira e Susana da Silva
Imagens que Susana da Silva apresentou
Imagens que Susana da Silva apresentou
Imagens que Susana da Silva apresentou
António Pedro Cerdeira
António Pedro Cerdeira e Susana da Silva
Imagens que Susana da Silva apresentou
Imagens que Susana da Silva apresentou
Imagens que Susana da Silva apresentou
25 nov 2022 • 01:30
Duarte Faria
António Pedro Cerdeira nega as acusações de violência doméstica feita pela ex-companheira, Susana da Silva. Em comunicado enviado esta quinta-feira à comunicação social, na sequência da notícia do CM que deu conta de que o processo já está em tribunal, o ator afirmou que “abomina qualquer ato de violência seja de que tipo for, física ou psicológica”. E garantiu que é ele a “vítima” neste caso.

De resto, já corre em tribunal um outro processo, no qual Cerdeira é o ofendido, e em que acusa Susana da Silva do mesmo crime. Está em fase de inquérito.

Por se encontrar em “segredo de justiça”, o artista de 52 anos, que é atualmente um dos protagonistas da telenovela ‘Sangue Oculto’, da SIC, fez saber, através da sua agente, que “não vai prestar”, para já, “declarações” públicas.

Recorde-se que Susana da Silva, de 53 anos, alega ter sido vítima de violência doméstica durante sete dos nove anos em que manteve uma relação com Cerdeira, entre 2013 e este ano. Terá saído da casa que partilhavam a 4 de junho último e apresentou queixa no dia seguinte.

Do processo, que está a decorrer no Tribunal de Sintra, e no âmbito do qual já foram ouvidos o ator, a antiga companheira e alguns amigos do ex-casal, fazem parte fotografias que Susana alega serem das agressões.

Esta não foi, no entanto, a primeira vez que Susana fez queixa junto das autoridades. No entanto, acabou sempre por as retirar.
Mais sobre
Newsletter
topo