Ator Nick Cordero morre vítima de coronavírus e deixa mulher destroçada: "O meu coração está partido"

Aos 41 anos, o artista não conseguiu vencer a doença após três meses internado em estado grave.
Nick Cordero e Amanda Kloots
Nick Cordero e Amanda Kloots
Nick Cordero e o filho Elvis
Nick Cordero e o filho, Elvis, de dez meses
Nick Cordero e Amanda Kloots
Nick Cordero
Nick Cordero
Nick Cordero
Nick Cordero com a mulher, Amanda, e o filho, Elvis
A mulher de Nick Cordero, Amanda, e o filho, Elvis
Nick Cordero e Amanda Kloots
Nick Cordero e Amanda Kloots
Nick Cordero e o filho Elvis
Nick Cordero e o filho, Elvis, de dez meses
Nick Cordero e Amanda Kloots
Nick Cordero
Nick Cordero
Nick Cordero
Nick Cordero com a mulher, Amanda, e o filho, Elvis
A mulher de Nick Cordero, Amanda, e o filho, Elvis
06 jul 2020 • 15:57
Nick Cordero morreu após três meses de internamento num hospital em Los Angeles, vítima do novo coronavírus.

Aps 41 anos, o estado de saúde do ator era partilhado pela mulher, Amanda Kloots, que deixava os seguidores a par da situação. Sempre ao lado do companheiro no momento difícil que atravessou, a atriz mostra-se destroçada por não ter sobrevivido ao pesadelo.

"O meu querido marido morreu esta manhã. A família rodeou-o de amor, cantando e rezando enquanto ele gentilmente deixava esta terra", escreveu a companheira nas redes sociais, poucos dias depois de anunciar que o ator tinha testado negativo no teste à Covid-19, mas com consequências irreversíveis. 

"Deus tem outro anjo no céu agora", continuou, durante o texto emotivo que divulgou. "O meu coração está partido porque eu não consigo imaginar as nossas vidas sem ele", disse, referindo-se também ao filho em comum com o ator, Elvis, de apenas um ano. 

Amanda realçou que Nick era "uma luz brilhante", "amigo de todos, adorava ouvir, ajudar e principalmente conversar".

"Ele era um ator e músico incrível. Ele amava a sua família e adorava ser pai e marido", disse.

"Eu vou amar-te para sempre meu querido marido", terminou, agradecendo o apoio e força a todos os fãs e profissionais de saúde que estiveram ao seu lado durante estes três meses.

Recorde-se que Amanda Kloots manteve sempre a atitude positiva perante o estado de saúde do ator, mesmo depois dos médicos lhe terem aconselhado a despedir-se do marido, pois afirmavam que ele não ia conseguir vencer as complicações da doença.

Na sequência do novo coronavírus, Nick Cordero enfrentou complicações nos pulmões e também teve de amputar a perna.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo