Beauté acusa Luís Borges de violência

Cabeleireiro diz que modelo o insultou.
Eduardo Beaute, Luís Borges
Eduardo Beaute, Luís Borges
Foto: Filipa Couto
13 dez 2016 • 15:01

Depois das acusações de não querer contribuir para o sustento dos filhos, Eduardo Beauté volta a acusar Luís Borges, desta vez de violência verbal. Numa publicação na rede social Facebook, o cabeleireiro garante que o modelo bloqueou todas as suas formas de contacto e que sempre foi agressivo a nível verbal.

"És uma pessoa muito agressiva e de muito má educação por causa dos teus traumas e revoltas de infância e adolescência, que não são novidade para ninguém porque já falaste várias vezes deles publicamente, e foi também por essa tua agressividade que faz parte de ti e que eu durante estes anos que estive contigo aguentei por amor, mas em particular nos últimos três foram muito maus e foi também essa tua agressividade verbal mas muito violenta que destruiu a minha/nossa vida familiar", escreveu Beauté nas redes sociais.

Para concluir, o cabeleireiro conta que numa última chamada telefónica entre os dois o modelo insultou-o. "Nunca te esqueças que nesta nossa última conversa que motivou enviar-te esta mensagem, conversa essa que não durou mais de 3 minutos, iniciaste por me chamar filho da p..., mandaste-me f... e ir para o c... por duas vezes. Nunca me irei esquecer disto. Garanto-te que não o voltarás a repetir. Tens muita mágoa e rancor dentro de ti, precisas de te tratar", afirmou.




Mais sobre
Newsletter
topo