Beyoncé revela que passou por dois abortos

A cantora revela que o que aconteceu a humanizou e que mudou a sua perspetiva da fama. “A vida tratou de me ensinar lições”, afirma.
Beyoncé e Jay-Z
Beyoncé e Jay-Z
Beyoncé e Jay-Z
Beyoncé e Jay-Z
11 jan 2020 • 16:02
Hoje mãe de três filhos e com um casamento feliz ao lado de Jay-Z, Beyoncé agradece a família que tem mas não esquece os dramas que viveu no passado e que por pouco não destruíram a sua relação com o produtor musical. Em entrevista à ‘Elle’, a estrela, de 38 anos, confidenciou que passou por dois abortos espontâneos e que essas experiências a marcaram profundamente.

"Comecei a procurar um significado mais profundo para as coisas quando a vida me ensinou lições que eu achava que não precisava de receber", começa por contar acrescentando: "Aprendi que a dor e a perda podem ser uma bênção. Na verdade, estes abortos ensinaram-me que teria de aprender a cuidar de mim própria antes de ser mãe de outra pessoa."


Depois de viver aqueles que consideram ter sido os momentos mais dramáticos da sua vida, Beyoncé admite ter questionado o verdadeiro sentido da fama e afirma que quando foi mãe pela primeira vez estava pronta para deixar de ser a prioridade na sua vida. "Quando tive a Blue comecei uma procura pelo meu verdadeiro eu. Sinto que morri e renasci, até na forma como eu me via. Ser a número 1 já não era a minha prioridade. Este legado que eu deixo no Mundo é muito mais importante."

Presente para os filhos
Além de Blue Ivy, Beyoncé deu ainda as boas-vindas aos gémeos Rumi e Sir e, apesar da agenda preenchida que o estatuto de estrela lhe garante, faz questão de ser o mais presente possível na vida das crianças. "Asseguro-me de que sou presente, que deixo a Blue na escola, que faço atividades com os gémeos e que tenho tempo para o meu marido. À noite, estou em casa a horas de jantar. É uma ginástica que pode ser stressante, mas é a vida de qualquer mãe trabalhadora".
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo