Bruno Cabrerizo acusa taxistas de assalto ao carro

ANTRAL repudia palavras de ator brasileiro em vídeo feito na esquadra.
Ator denunciou  assalto ao carro
Bruno Cabrerizo
Foto: Direitos Reservados
13 out 2016 • 01:45
O carro de Bruno Cabrerizo, um FIAT de 1999, foi assaltado terça-feira à tarde, em Lisboa. O ator acabou por ficar sem uns auriculares, mochilas e várias peças de vestuário desportivo.

No entanto, a polémica instalou-se quando Cabrerizo acusou, nas redes sociais, os taxistas pelo roubo, num vídeo que fez na esquadra da Estrela. "Reclamei da confusão que teve com a briga dos taxistas com a Uber. Acho que foram vocês, taxistas e Uber, que mandaram abrir o meu carro de propósito", denunciou.

Uma declaração repudiada pela associação de taxistas ANTRAL. "É lamentável que se faça uma acusação de ânimo leve. Não se pode enxovalhar assim uma classe. Se calhar foi ele próprio que fez isso ao carro", disse o presidente Florêncio Almeida.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo