Cantora Sophia Urista arrisca multa e prisão por urinar em cima de fã

Em causa estão mil dólares de multa e até um ano atrás das grades por ato em concerto dos Brass Against.
Sophia Urista é a vocalista dos Brass Against e fez agora saltar o grupo para as primeiras páginas dos jornais
Sophia Urista é a vocalista dos Brass Against e fez agora saltar o grupo para as primeiras páginas dos jornais
Sophia Urista é a vocalista dos Brass Against e fez agora saltar o grupo para as primeiras páginas dos jornais
Sophia Urista é a vocalista dos Brass Against e fez agora saltar o grupo para as primeiras páginas dos jornais
Sophia Urista é a vocalista dos Brass Against e fez agora saltar o grupo para as primeiras páginas dos jornais
Sophia Urista é a vocalista dos Brass Against e fez agora saltar o grupo para as primeiras páginas dos jornais
17 nov 2021 • 01:30
A banda até já pediu desculpa, justificando que a vocalista se entusiasmou em palco, mas a verdade é que Sophia Urista, a voz da banda Brass Against, poderá mesmo vir a ser condenada até um ano de prisão por ter urinado em cima da cara de um fã em pleno concerto. O insólito aconteceu no festival Welcome to Rockville, Florida (EUA), no passado fim de semana e tem feito correr muita tinta um pouco por todo o Mundo.

Segundo o jornal ‘Daytona Beach News’, a polícia local recebeu uma queixa relacionada com o incidente, estando já a decorrer um processo e a respetiva investigação. Uma vez que na Florida é ilegal exibir os genitais em público, na propriedade privada de um indivíduo ou perto dessa propriedade, a cantora poderá vir a ser condenada ao pagamento de mil dólares de multa (cerca de 900 euros) e até um ano de prisão, caso se prove que ela cometeu um crime público.

A situação ocorreu quando os Brass Against interpretavam um versão dos Rage Against the Machine e um fã voluntariamente subiu ao palco. Sophia baixou as calças, agachou-se e urinou-lhe na cara.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo