Castelo Branco abre o jogo e revela motivo de casamento com Betty

O socialite contou todos os pormenores do início da relação com a empresária norte-americana.
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
importa
07 dez 2018 • 12:07
Polémico e pouco convencional, José Castelo Branco decidiu por as cartas na mesa e contar todos os segredos e mal entendidos de que é acusado, numa recente entrevista a Cristina Ferreira.

O conde, de 55 anos, revelou todos os pormenores da relação com Betty Grafstein.

"Começámos por ter conversas. Houve paixão, mas que paixão meu Deus, que ainda hoje continua. Até sexual. Parou há uns bons anos, mas no início houve", começou por explicar.

"Como é que as pessoas não percebem a relação? Eu fiz um filho. Eu gosto e tenho um prazer enorme de ter sexo com mulheres. O meu amor pela Betty é incondicional", continuou.

Acusado de oportunismo, o socialite revela a razão pela qual casou com a designer de jóias, em 1996.

"Nunca me aproveitei de nada. Casámos com separação total de bens. Tudo bem que ela tinha mais de 60 anos, mas eu podia ter exigido um acordo pré-nupcial", explicou.

Recorde-se, Castelo Branco conheceu Betty durante a década de 90 quando ainda atuava como drag queen.

"A Betty quis casar comigo porque se apaixonou por mim", esclareceu.

Nos últimos dois anos, o conde passou a dedicar-se exclusivamente à mulher devido aos problemas de saúde, que esta tem atravessado.

"Hoje sou um cuidador. Sou eu que dou banho à Betty… mas sempre fui eu que cuidei dela", concluiu.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo