Concorrente do 'Big Brother' esconde bipolaridade

Ana Catharina França entrou para a casa mais vigiada do País com um segredo que pode trocar-lhe as voltas no jogo.
Ana Catharina, Big Brother
Ana Catharina, Big Brother
Ana Catharina, Big Brother
Ana Catharina, Big Brother
Ana Catharina, Big Brother
Ana Catharina, Big Brother
Ana Catharina, Big Brother
Ana Catharina, Big Brother
Ana Catharina, Big Brother
Ana Catharina, Big Brother
15 mai 2020 • 14:40
Ana Catharina França, de 29 anos, está a conquistar os portugueses com as suas convicções. No entanto, o veganismo não é a sua única luta na casa do ‘Big Brother’.

A brasileira, com dupla nacionalidade, esconde uma doença psiquiátrica conhecida como transtorno bipolar.
Foi este problema que há cerca de três anos provocou uma verdadeira reviravolta na vida da ex-namorada de Jesus Luz, um dos antigos apaixonados de Madonna.

O relato acerca das constantes alterações dos estados de humor foi feito pela própria, na plataforma digital ‘Do Rio Para Cá’.

"A minha vida perdeu o sentido não por causa de nenhuma crise ou trauma, mas quando estava a ter tudo: vida de atriz em ascensão, um livro publicado, anúncios publicitários, aulas de ioga, trabalhos com produção cultural, uma empresa de pão, um apartamento numa das ‘melhores’ áreas do Rio de Janeiro. Estava a fazer tudo o que gostava."

"Porque o meu cabelo caía, as minhas unhas quebravam e o buraco negro da depressão apareceu de novo? Síndrome de pânico. Lá estava eu a tomar uma infinidade de remédios. Entre eles, um estabilizador de humor para me manter unipolar. Para ‘tratar’ o meu transtorno maníaco-depressivo", continuou.


Decidida a lutar contra a dependência da medicação, Catharina mudou a sua vida. "Vendi o meu computador, todas as minhas roupas e móveis. Vendi a falta de tempo para comer, o conceito de ‘trabalhar e pagar renda’, o modo comercial de fazer arte, o cigarro e os remédios para me medicar com um verbo: viajar."

A brasileira passou longas temporadas na Índia, Irlanda e também na Tailândia. Há cerca de ano e meio mudou-se para Portugal. Na casa do ‘Big Brother’ encontrou em Edmar um porto de abrigo.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo