Cristina Ferreira não paga à SIC e caso vai para tribunal

Estrela diz que 20 milhões de euros exigidos pela SIC não têm “qualquer fundamento nem base contratual”.
Cristina Ferreira
Cristina Ferreira
Cristina Ferreira
Cristina Ferreira
Cristina Ferreira
Cristina Ferreira
Cristina Ferreira
Cristina Ferreira
Cristina Ferreira
Cristina Ferreira
20 ago 2020 • 01:30
Rute Lourenço

Depois de o CM ter avançado que a SIC deu o prazo de 15 dias a Cristina Ferreira para pagar uma indemnização de 20 milhões de euros – relativos à quebra do contrato e receitas publicitárias – a estrela já reagiu para se mostrar indignada com a quantia exigida pela sua antiga estação.

"Confirmo que a SIC me interpelou ao pagamento de uma indemnização por lucros cessantes no valor de cerca de 20 milhões de euros. Sobre esta matéria gostaria apenas de esclarecer que a referida quantia não tem qualquer fundamento ou base contratual", explicou a apresentadora, afirmando que não vai pagar o valor em causa e que não tem medo de uma batalha judicial com a SIC.

"Refuto em absoluto a pretensão daquela entidade, estando disposta a assegurar e defender os meus interesses até às últimas instâncias", pode ler-se.

No comunicado, Cristina lançou ainda farpas à direção da SIC, por lhe atribuir a culpa pelo fracasso de audiências e quebras de publicidade, quando Daniel Oliveira afirmou que o sucesso da SIC não estava assente "numa só pessoa". "Não posso deixar de registar a minha surpresa pela posição agora assumida por uma estação que tem assente a sua comunicação numa estratégia de funcionamento em equipa e liderança de audiências, nunca assente numa só pessoa."

Recorde-se que, quando Cristina abandonou os ecrãs da SIC, o diretor de Programas da estação desvalorizou a perda. "A Cristina teve um papel muito importante neste projeto e estratégia, que nunca foi assente, como tive oportunidade de sublinhar várias vezes, numa só pessoa. Só quem não conhece a força e talento dos profissionais da SIC ou não sabe como funciona uma estação pode pôr isso em causa."

Contactada, a SIC não reagiu ao comunicado de Cristina.

Procura apoio nos amigos de sempre
Quando trocou a TVI pela SIC, Cristina Ferreira deixou na estação vários amigos, como Pedro Teixeira e Manuel Luís Goucha. Um apoio que nunca encontrou na estação de Paço de Arcos, onde se sentia muitas vezes desamparada.

A estrela, que tinha o cargo de consultora de entretenimento, sentia-se ainda posta de parte em todas as tomadas de decisões, que eram feitas exclusivamente por Daniel Oliveira.

"Nunca lhe deu espaço para que partilhassem essa tarefa e isso foi ingrato para a Cristina", diz uma fonte, acrescentando que essa foi uma das razões que a fizeram ficar insatisfeita na SIC e procurar a mudança.


Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo