Cristina Ferreira perde batalha contra o Fisco e é obrigada a pagar 161 mil euros

Apresentadora contestou valor relacionado com a sua empresa, referente aos anos entre 2015 e 2018
Cristina Ferreira
Cristina Ferreira
04 jun 2021 • 11:16
Cristina Ferreira vai ter que pagar ao Fisco 161 mil euros. De acordo com o jornal 'Expresso', a apresentadora perdeu a disputa com a Autoridade Tributária (AT), na qual tentou impugnar a cobrança do valor, referente à sua empresa Amor Ponto.

Em julho do ano passado, a apresentadora e empresária solicitou uma arbitragem através do CAAD (Centro de Arbitragem Administrativa) para a ajudar a resolver o desentendimeno, uma vez que a AT considerou que houve uma indevida contabilização de despesas da Amor Ponto entre 2015 e 2018.

De acordo com o relatório a que o 'Expresso' teve acesso, foram detetados gastos que "pertencem à esfera individual da sócia-gerente, Cristina Ferreira, nomeadamente despesas associadas à construção da casa para habitação própria, compras de produtos alimentares e de uso doméstico e de viagens de pessoas estranhas à sociedade".

Na decisão do CAAD lê-se ainda que a Amor Ponto "refugiou-se na notoriedade da sócia-gerente, conhecida figura pública, para afirmar genericamente que quem a acompanhasse nas viagens o faria a título profissional, nomeadamente para tirar fotografias divulgadas nos meios de comunicação social". Acresce ainda que "não foi apresentada qualquer justificação para os consumos pessoais".

Além dos 161 mil euros, que entretanto já tinha pago e tentava reaver, Cristina Ferreira teve que suportar as custas no valor de 3672 euros.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo