Cristina Ferreira sobre o isolamento: "É uma sensação de prisão, de jaula"

A apresentadora esteve 14 dias em casa afastada do filho e dos pais.
Cristina Ferreira
Cristina Ferreira
05 nov 2020 • 14:44

Cristina Ferreira regressou aos ecrãs da TVl, esta quinta-feira, dia 5, após duas semanas a cumprir isolamento profilático. A apresentadora esteve à conversa com Manuel Luís Goucha, no "Você na Tv!" e revelou pormenores acerca dos seus dias isolada. "A sensação de estar em isolamento é terrível. É uma sensação de prisão, de jaula." começou por partilhar. 

Apesar de nunca ter testado positivo para a doença, nem se ter sentido "apreensiva" com a situação, a diretora de Ficção e Entretenimento da TVl admite ter passado por dias complicados e com a saúde mais frágil. "Na segunda comecei com umas dores de cabeça e depois tinha uns arrepios de frio. Estava sempre em contacto com a médica". 

"Tive alguns sintomas, que não foram de Covid-19. A própria médica dizia-me que o stress e ansiedade fazem com que as pessoas passem a ter alguns sintomas similares e por isso fiquem assustadas." admitiu em direto. 

A apresentadora falou da dificuldade que foi estar afastada do filho Tiago, de 12 anos, e dos famíliares durante os 14 dias. Por outro lado, sentiu-se aliviada por estarem todos "salvaguardados". 

"O segundo sábado foi muito difícil, porque é quando a minha família está reunida", partilhou. 

Cristina Ferreira aproveitou ainda o momento para agradecer o carinho que recebeu ao longo dos dias em que esteve isolada. "As pessoas mandam-nos as melhoras mesmo sem estarmos doentes. Esse carinho é incrível". 

Quando questionada sobre a vida amorosa, Cristina Ferreira brincou: "Vai mal porque eu estive em isolamento". 

"Há anos que não lavava tanta louça na minha vida" lançou a apresentadora. 

 

Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo