Divórcios de milhões dão que falar em Hollywood

Schwarzenegger e Maria Shriver põem fim a batalha judicial que durou 10 anos. ‘Ex’ de Dr. Dre recebe 90 milhões com o divórcio.
Schwarzenegger e Maria Shriver
Dan Brown  e Blythe
Dr. Dre e Nicole Young
Schwarzenegger e Maria Shriver
Dan Brown  e Blythe
Dr. Dre e Nicole Young
30 dez 2021 • 01:30
Carolina Cunha
Nem tudo é cor-de-rosa em Hollywood e são muitos os divórcios polémicos que estão a dar que falar. Dez anos depois da separação e de uma longa batalha judicial, Arnold Schwarzenegger e Maria Shriver estão oficialmente divorciados. Maria decidiu pedir o divórcio após descobrir que o ator teve um filho fruto de um relacionamento extraconjugal com a empregada doméstica. O acordo arrastou-se nos tribunais ao longo de uma década e tudo por causa da divisão do património, uma vez que o casal não tinha assinado nenhum acordo pré-nupcial. Com o fim do processo, sabe-se agora que o ex-casal foi obrigado a dividir cerca de 350 milhões de euros.

O famoso produtor musical Dr. Dre e a ex-mulher, Nicole Young, também chegaram finalmente a um acordo de divórcio. Após 24 anos de relacionamento, Dr. Dre terá de pagar cerca de 90 milhões de euros à ‘ex’. Nicole Young ficou ainda com as joias e quatro carros de luxo, mas não terá direito a receber qualquer pensão mensal.

Também Dan Brown, autor de ‘O Código Da Vinci’, e a ex-mulher chegaram a acordo num processo judicial no qual Blythe alegava que o escritor teve uma vida dupla durante o casamento, que incluiu vários casos amorosos. Acusou Brown de desviar fundos para sustentar essa vida e reivindicou créditos por ter inspirado o trabalho do marido. O autor referiu que não enganou a ‘ex’ sobre as suas finanças e que ela acabou por ficar com metade das suas propriedades após a separação.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo