Doença e desgosto mudam o rumo da carreira de Raquel Tavares

A artista assume que perdeu peso, ficou doente e e que já não era capaz de enfrentar os palcos. Agora, vai estrear-se como atriz.
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Foto: Instagram
24 jan 2020 • 14:43
Foi em lágrimas e com uma profunda mágoa que Raquel Tavares anunciou, perante os portugueses no ‘O Programa da Cristina’, que precisava de se afastar dos palcos.

"Quero viver além daquilo que tem sido a minha vida estes anos, que é cantar. Percebi que aquilo a que me dediquei a vida inteira não me estava a fazer bem. Já não era feliz, não necessariamente por cantar, mas a vida artística. Estou dorida e profundamente infeliz", revelou, demonstrando vontade de se afastar da vida mediática. No entanto, dias depois foi anunciado que a artista vai participar na próxima temporada da série da RTP1 ‘Patrulha da Noite’, o que gerou estranheza.


Sabe a ‘Sexta’ que Raquel, que tem estado a braços com uma depressão, pretende apenas fazer uma pausa na sua carreira na música, depois de nos últimos meses ter passado por situações que lhe causaram uma grande dor.

"A Raquel namorava com um músico brasileiro e sonhava lançar a sua carreira lá, mas tanto o amor como essa hipótese não correram como o previsto. Os últimos tempos foram complicados para ela", conta uma fonte próxima.

Perante este cenário, a fadista achou que precisava de fazer uma pausa para se "reencontrar" e tomou aquela que considera ter sido "a decisão mais difícil" da sua vida. Até porque a sua saúde já estava a sair prejudicada de toda esta situação.

"Cheguei a uma fase que estava doente. Emagreci dez quilos, tinha sintomas graves, tive uma faringite, que é a pior coisa que um cantor pode ter. Cantei em vários concertos com febre. Chorava nos concertos e já não era de emoção, era de desespero", confessou Raquel.

Numa nova fase da vida depois do longo relacionamento que não deu certo e das ambições para a sua carreira que acabaram por não correr bem, Raquel Tavares abre agora portas a novos desafios, que começam, para já, pelo mundo da representação.

E a ‘Sexta’ sabe que a cantora tem recebido diversos convites. No entanto, os amigos acreditam que este não é um adeus definitivo aos palcos, mas um até já.

A prioridade, agora, é vencer a depressão e entrar num novo ciclo para o qual Raquel não tem dúvidas que o apoio dos fãs tem sido fundamental. Depois de ter revelado a sua situação, a fadista recebeu uma avalanche de apoio nas redes e mostrou-se de coração cheio. "Tenho lido as vossas mensagens, manifestações de carinho e compreensão, todos os desabafos e testemunhos semelhantes e só sei dizer que nunca senti tanto amor em toda a minha vida."
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo