Drama mobiliza Cláudia Vieira

Marta d’Orey, de 19 anos, precisa de um transplante pulmonar para sobreviver.
Foto: Direitos Reservados
04 jan 2017 • 01:50
Rita Silva Resendes
Marta d’Orey não sabia, mas a gripe A que contraiu em Londres quando lá estava a estudar, há cinco meses, teve consequências mais graves do que os médicos previam. Uma série de diagnósticos errados teve o pior dos resultados: a jovem saiu da gripe com uma bronquiolite obliterante pós-infecciosa, que lhe deixa apenas 14% de função respiratória e a obriga a viver com recurso a uma bomba de oxigénio.

Para sobreviver, há outra alternativa: o transplante pulmonar, que, no entanto, tem uma taxa de sucesso limitada e que lhe assegura, apenas, uma esperança de vida de dez anos.

A história está a mobilizar várias figuras públicas nas redes sociais, entre as quais Cláudia Vieira, que sensibilizou os fãs para o drama de Marta, que espera um dador compatível. "Grata por te conhecer. És um furacão. Tens uma grande lição para dar a muitos", escreveu a atriz, de 38 anos, na legenda de uma foto com a jovem.
Mais sobre
Newsletter
topo