'Ex' de Passos apoiada por Laura na luta contra o cancro

Antiga cantora das Doce diz que “força” de Laura Ferreira tem sido fundamental.
18 ago 2017 • 01:30
Rute Lourenço
O ano de 2017 tem sido dramático para Pedro Passos Coelho que, com a diferença de poucos meses, soube que o cancro da mulher, Laura Ferreira, tinha alastrado para os pulmões, e que a ex-companheira e mãe das filhas mais velhas, Fátima Padinha, também estava a braços com um problema oncológico.

A ex-cantora das Doce, de 59 anos, confirmou ao CM que se encontra a fazer tratamentos de quimioterapia para lutar contra um tumor maligno na mama. "O cancro foi-me diagnosticado em fevereiro. Desde então, já fui operada, estou a fazer quimio e segue-se a radioterapia", começa por contar Fátima, acrescentando que, desde o primeiro dia, Passos Coelho tem sido incansável no apoio, bem como a mulher, Laura.

"É uma fase difícil para o Pedro e o problema da Laura é muito delicado, com outros contornos. Mas temos falado ao telefone e a Laura tem-me apoiado muito. É uma mulher cheia de força", refere a antiga cantora, que se mostra otimista.

"Estou confiante, apesar de sentir que tudo isto podia ter sido evitado. Há quatro anos, numa mamografia, os médicos sugeriram que podia haver qualquer coisa e disseram para repetir mais tarde, mas eu fui desleixada e agora estou a passar por isto".

Já a situação de Laura é bem diferente. Há três anos, a mulher do antigo primeiro-ministro lutou contra um tumor ósseo. Agora, a doença alastrou-se para os pulmões e a fisioterapeuta, de 52 anos, está a fazer tratamentos de quimioterapia.

Assume luta em público
Em 2015, Laura Ferreira apareceu sem cabelo, durante uma visita oficial a Cabo Verde ao lado de Pedro Passos Coelho, assumindo, assim, publicamente, a luta contra o cancro. O marido esteve sempre ao lado da fisioterapeuta.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo