Famosos indignados com matança de animais na Azambuja: “Crueldade”

Sónia Tavares, Pipoca Mais Doce, Sofia Ribeiro entre outros manifestaram-se contra o massacre nas redes sociais.
Ana Garcia Martins, Pipoca Mais Doce
A publicação de Ana Garcia Martins
Sofia Ribeiro
A publicação de Sofia Ribeiro
Sónia Tavares vende roupa usada
Sónia Tavares partilhou esta fotografia
rita ferro rodrigues
Ana Garcia Martins, Pipoca Mais Doce
A publicação de Ana Garcia Martins
Sofia Ribeiro
A publicação de Sofia Ribeiro
Sónia Tavares vende roupa usada
Sónia Tavares partilhou esta fotografia
rita ferro rodrigues
23 dez 2020 • 13:00

A matança de 540 animais na Quinta da Torre Bela, na Azambuja, provocou uma onda de indignação e revolta nas redes sociais. Várias figuras públicas demonstraram o desagrado com a situação e não hesitaram em tecer duras critícas ao massacre.

"Pr’a cima de filhos da p***. Massacre da Torre Bela – 540 animais, não incluindo os da boina, com muita pena minha. 17-12-2020 – 540 animais selvagens de médio porte não é controlo, não é desporto, é chacina", escreveu Sónia Tavares na legenda da fotografia que partilhou dos caçadores junto dos animais mortos. Entre as reações à publicação, destacam-se os comentários de Rita Ferro Rodrigues e Pedro Fernandes. "É tão chocante que nem consigo encontra palavras", escreveu a apresentadora. "E ainda tiram fotos como se fosse algo para se gabarem. Selvagens", disse o locutor de rádio.

À semelhança da vocalista dos The Gift, Ana Garcia Martins, mais conhecida como Pipoca Mais Doce, também criticou o ocorrido: "E, quando, afinal, percebemos que vivemos num país de terceiro mundo. Faltam-me palavras para esta crueldade".

Sofia Ribeiro também manifestou a sua revolta: "Filhos de uma grande p***. Como é que isto é possível?".

Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo