Fernanda Serrano fala sobre o divórcio: "É sempre uma ruptura, um falhanço, um fracasso"

Numa conversa intimista com Manuel Luís Goucha sobre a separação de Pedro Miguel Ramos, a atriz confessou que o "amor deixou de existir".
Fernanda Serrano, Pedro Miguel Ramos
Fernanda Serrano, Pedro Miguel Ramos
Fernanda Serrano, Pedro Miguel Ramos
Fernanda Serrano, Pedro Miguel Ramos
Fernanda Serrano, Pedro Miguel Ramos
Fernanda Serrano, Pedro Miguel Ramos
Fernanda Serrano, Pedro Miguel Ramos
Fernanda Serrano, Pedro Miguel Ramos
Fernanda Serrano, Pedro Miguel Ramos
Fernanda Serrano, Pedro Miguel Ramos
Fernanda Serrano, Pedro Miguel Ramos
Fernanda Serrano, Pedro Miguel Ramos
Fernanda Serrano, Pedro Miguel Ramos
Fernanda Serrano, Pedro Miguel Ramos
14 jun 2019 • 12:50
Após anunciar o divórcio de Pedro Miguel Ramos, Fernanda Serrano deu a sua primeira entrevista a Manuel Luís Goucha, para o 'Você na TV!'. Uma conversa intimista onde a atriz recordou a infância, a família e a nova fase da sua vida após terminar o casamento de 15 anos ao lado do pai dos seus quatro filhos. 

Quando questionada sobre a gestão dos sentimentos ao longo do processo de divórcio, a atriz da TVI não escondeu o sentimento de derrota: "Não existem essas tais fórmulas e explicações matemáticas. (...) É sempre uma ruptura, um falhanço, um fracasso para todos. Que isso não aconteça nas crianças, porque o fracasso nunca será delas. Elas são o resultado de um amor, de uma coisa muito boa que aconteceu entre duas pessoas que se apaixonaram e que decidiram ter uma vida em conjunto, feliz, e que depois, a determinada altura, deixou de acontecer", confessa a artista. 

Embora sorridente, Fernanda assumiu ainda que este é também um momento difícil para os quatro filhos. "É sempre" duro, lamentou. A artista revelou ainda como explicou às crianças a separação do pai: "Desta forma muito simplista. Os pais estiveram muitos apaixonados, vocês são frutos desse amor, a família existe e permanece. A única coisa que não [permanece] é o amor [entre pai e mãe], que deixou de existir. Agora, os pais seguem vidas diferentes, com um percurso diferente, mas ao vosso lado".

Fernanda garantiu ainda que se sente uma mulher forte, sem medo de enfrentar o futuro e os "momentos desafiantes".


Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo