Filhos de Michael Jackson são fruto de dador de esperma

A ex-mulher do rei da pop garante durante três anos de casamento nunca tiveram relações sexuais apesar de terem dois filhos em comum
mickael Jackson
mickael Jackson
19 mar 2019 • 12:29
Após a divulgação do documentário 'Leaving Neverland', que mostra testemunhos de dois adultos que garantem ter sido abusados sexualmente por Michael Jackson, a ex-mulher do cantor veio a público adensar ainda mais as polémicas com revelações surpreendentes. 

Debbie Rowe, esteve casada com o rei da pop entre 1996 e 1999,  mãe dos dois filhos do cantor, Prince e Paris, garante que nunca teve realações sexuais com Michael e que os filhos são fruto de uma inseminação artificial.

"Eles engravidaram-me. É como se eu tivesse impregnado as minhas éguas para se reproduzirem. Foi muito técnico. Eu era o seu puro sangue", admite Debbie, em declarações ao jornal britânico 'The Sun'.

A ex-companheira do artista recorda que conheceu Michael numa clínica dermatológica e que casaram. "Michael estava divorciado, e só queria ter filhos. E fui eu quem disse: vou ter os teus filhos", recorda. 

Em 1999, o casamento acabou e Debbie renunciou aos seus direitos sobre os seus filhos, mas foram obrigados por um tribunal a chegar a acordo por causa deles. Jackson ficou com a custódia das crianças.


Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo