Georgina Rodríguez arrasada pela família

Tio da namorada de Ronaldo está revoltado com desprezo da sobrinha.
Georgina Rodriguez
Georgina Rodriguez
Georgina Rodriguez
Georgina Rodriguez
Georgina Rodriguez
Georgina Rodriguez
Georgina Rodriguez
Georgina Rodriguez
03 dez 2019 • 01:30
André Filipe Oliveira

A namorada de Cristiano Ronaldo está cada vez mais afastada da família. Falhou o funeral da avó materna, Juana Escarabal, de 80 anos, que morreu vítima de insuficiência cardíaca, e evitou quaisquer contactos com os familiares, mesmo após saber da perda.

A postura de Georgina Rodríguez é agora alvo de crítica por parte do tio materno, Jesus. "Liguei para a irmã Ivana e pedi-lhe para avisar a Georgina. Ela garantiu que a avisava. Depois disso elas não ligaram, nem disseram mais nada", contou o familiar da espanhola em entrevista ao jornal ‘El Madroño’.

Jesus vai mais longe e acusa Gio de querer esconder a sua situação familiar do internacional português. "Tenho a certeza que se a mãe do Cristiano Ronaldo estivesse a morrer, ele ia largar tudo para acompanhá-la. Não? Quando o pai [da Georgina] morreu, a mãe do Cristiano deu-lhe os pêsames. A mim ninguém mos deu", expressou revoltado e em lágrimas.

Embora esteja magoado com o afastamento da modelo espanhola, Jesus não descarta um reencontro para fazer as pazes. "Eu ia recebê-la de braços abertos, porque ela não me fez nada. Eu também não lhe fiz nada. Sempre me portei muito bem com a Georgina. Tal como a minha mãe, com tudo o que pôde. Não lhe fizemos mal nenhum para tanto desprezo", completou.

Avó pediu ajuda a Ronaldo
A situação de miséria vivida pela avó de Georgina e o tio foi relatada em direto na televisão espanhola. Nessa altura, Juana Escarabal chegou a pedir a ajuda de Ronaldo: "Se não me ajuda é porque não deve saber. Se soubesse a necessidade e a situação em que estou, acredito que ajudaria. Ele tem bom coração."

Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo