Incerteza e medo marcam aniversário de Letizia

Festejou os 48 anos sem grandes festas, até porque não é altura para tal. rainha enfrenta crise no país e na própria monarquia
Felipe e Letizia
Felipe e Letizia
20 set 2020 • 11:24
Letizia Ortiz celebrou esta semana (dia 15) o seu 48.º aniversário de forma discreta e em família. Apesar do novo coronavírus não dar tréguas, a rainha tem mantido uma agenda bastante preenchida, mesmo depois de a filha mais velha, Leonor, ter sido obrigada a cumprir quarentena devido a um caso positivo na sua turma.

Era um dos maiores receios de Letizia, e de qualquer mãe neste regresso à escola, e acabou por acontecer. Uma colega da jovem princesa terá sido infetada pelo pai, lançando o pânico no colégio privado Santa María de los Rosales, em Madrid, onde Leonor, de 14 anos, estuda com a irmã, a infanta Sofía, de 13.

Agenda preenchida
Apesar do susto, Letizia fez questão de manter a sua agenda, até porque esta não é altura de baixar os braços. Com a monarquia espanhola a viver uma das maiores crises de sempre, a rainha carrega nas costas a obrigação de reconquistar a confiança dos súbditos. Por isso, no início da semana, a mulher de Filipe VI visitou uma escola primária em Milagro, Navarra, onde teve a oportunidade de falar com professores e alunos sobre as regras de segurança para o novo ano letivo.
Desta forma, a rainha de Espanha tenta afastar as filhas dos escândalos que têm afetado a casa real espanhola. O exílio do rei emérito Juan Carlos nos Emirados Árabes não tem sido suficiente para recuperar o bom nome da família e o esforço de Felipe VI em tentar convencer os mais críticos de que nada tem a ver com os escândalos do pai parece, por vezes, infrutífero. Contudo, Letizia não vai desistir enquanto não alcançar o seu principal objetivo: colocar Leonor no trono.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo