Irmã de José Cid morreu após contrair Covid-19: "As sequelas foram muito graves"

O cantor revela que os dois tinham uma relação muito especial
José Cid
josé cid
José Cid
josé cid
19 abr 2021 • 11:57
José Cid foi esta segunda-feira, 19 de abril, convidado de Maria Botelho Moniz e Cláudio Ramos no 'Dois às 10', na TVI, onde revelou que sofreu uma dolorosa perda "há um mês". O cantor contou que a irmã morreu aos 89 anos depois de ter ficado com sequelas da Covid-19.

"A minha querida mana morreu há um mês. Ela nao morreu com Covid-19, conseguiu sair da Covid porque era rija, mas depois as sequelas foram muito grandes porque ela fumava", começou por recordar.

O intérprete de 'Nasci P'ra Música' contou que tinha uma relação muito especial com a irmã e que esta o defendia. "Foi uma pessoa que sempre me defendeu dos meus pais e sempre apostou na minha carreira. Tinha 10 anos a mais que eu e era uma irmã-mãe. Foi apanhada pela Covid-19. Ela não esperava uma coisa destas porque ela não acreditava na Covid-19".

A irmã de José Cid ficou infetada no Natal e desde então piorou o seu estado de saúde. "No natal algumas pessoas estavam contaminadas, mas não sabiam. Ela demorou um mês", lamentou.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo