Jessica Athayde e Diogo Amaral: mais próximos e unidos por Oliver

Apesar de a relação ter terminado, o antigo casal mantém contacto diário e partilha vários momentos com o filho de quatro meses.
Jessica Athayde e Diogo Amaral
Jessica Athayde e Diogo Amaral
Jessica Athayde e Diogo Amaral com o filho em comum, Oliver
Jessica Athayde e Diogo Amaral
Jessica Athayde e Diogo Amaral
Jessica Athayde e Diogo Amaral com o filho em comum, Oliver
10 nov 2019 • 11:00
Carolina Cunha
Apesar de o relacionamento de Diogo Amaral e Jessica Athayde ter chegado ao fim, o antigo casal continua a manter o contacto diário e partilha vários momentos com o filho, Oliver, que já completou quatro meses de vida.

O ambiente entre o antigo casal, que prioriza o bem-estar do filho, é pacífico e Diogo é presença assídua em casa de Jessica, onde visita o filho sempre que quer sem que exista qualquer entrave ou impedimento.

Consciente das suas obrigações enquanto pai, o ator de ‘Terra Brava’ acompanha as consultas do bebé ao lado de Jessica. "Estou com o Oliver sempre que quero. Não há entraves. Não acho que faça sentido de outra maneira a não ser em harmonia. Sem isso, vais receber coisas horríveis", disse o ator.

Apesar da rutura, a dupla de atores contraria os rumores de mal-estar e mostra-se cada vez mais próxima e unida em prol do bebé: "Não há outra maneira de tu olhares para a coisa. Tens um filho com uma pessoa porque quiseste, porque decidiste. Isso é uma coisa extraordinária e não faz sentido, para mim, guerras e conflitos. Não faz sentido".

Quanto à hipótese de reconciliação o entre o ex-casal Diogo não esconde o carinho por Jessy, com quem terá uma ligação para o resto da vida. "Quando tu tens um filho com uma pessoa, a tua relação é para sempre", frisou o artista.

Oliver, de apenas quatro meses, trouxe uma nova alegria à vida dos pais, mas também à de Mateus, de quatro anos. O primeiro filho de Diogo, fruto da relação com Vera Kolodzig, surpreendeu o pai com a relação próxima com o irmão mais novo. "O Mateus tem sido uma surpresa. Achei que ele ia querer matar o Oliver, o que seria normal, mas ele tem um orgulho enorme por ser o irmão mais velho", relatou o ator, que garante que a experiência da paternidade tem sido o "maior e mais incrível desafio" da sua vida ao longo dos últimos anos.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo