Jorge Gabriel chora a morte do pai vítima de Covid-19: "Será sempre meu guia"

Albano Fialho tinha 96 anos.
Jorge Gabriel com o pai
Pai de Jorge Gabriel
Jorge Gabriel com o pai
Pai de Jorge Gabriel
19 jan 2021 • 16:48
Jorge Gabriel está de luto. O pai, Albano Fialho, de 96 anos, morreu vítima de Covid-19.

O apresentador partilhou um texto dedicado ao pai nas redes sociais.

"Há vários dias que este nó me apertava a garganta, me desfazia a esperança. 
O meu pai, o Senhor Albano Fialho partiu. A Covid desgatou o que os 96 anos ainda lhe permitiam. Integro, idóneo, zelador incansável do erário público, e eterno estudioso, deixa-nos um legado jubiloso. Será sempre meu guia, a minha voz da consciência que me admirava como qualquer outro pai. Mas este era o meu. Aquele que não suportava que tirasse uma folga, que não faltasse aos meus deveres profissionais, e que respeitasse os outros como gostaria que me respeitassem", escreveu.

Jorge Gabriel terminou a mensagem com agradecimentos. "De momento agradeço-lhe tanta sabedoria. Agradeço ao lar de Santo António de Alfragide pelo quanto cuidaram, pelo quanto o amaram. Ao hospital Amadora/Sintra pelo quanto fizeram e se esforçaram por um cidadão de tanta idade. A melhor homenagem que lhe posso prestar é amanhã não faltar. É cuidar de falar bem português, como era seu ponto de honra, e apresentar a Praça até poder cumprir os serviços fúnebres permitidos em tempos de Pandemia.
Obrigado pai. Vai lá ter com a mãe".
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo