José Carlos Pereira assaltado e vítima de carjacking na Cova da Moura

Ator diz ter sido agredido e sentiu-se “em risco”.
José Carlos Pereira
José Carlos Pereira
José Carlos Pereira
José Carlos Pereira
José Carlos Pereira
José Carlos Pereira
José Carlos Pereira
José Carlos Pereira
José Carlos Pereira
José Carlos Pereira
07 set 2019 • 01:30
Rute Lourenço
José Carlos Pereira diz ter vivido momentos de terror quando, no passado dia 4, foi vítima de carjacking quando estava a deixar uma amiga no bairro da Cova da Moura, na Amadora, e aceitou dar boleia a um homem.

Segundo Zeca, quando o deixou numa rotunda, este chamou os amigos que estavam no local e os assaltantes apontaram-lhe uma arma à cabeça.

Segundos depois, o ator garante ter sido espancado. "O meu erro foi reagir. Primeiro estavam dois gajos com facas e eu reagi. Depois, há um que saca de uma pistola. Bateram-me com pontapés na cabeça e não só. Pegaram na chave e levaram o carro", recorda Zeca à revista ‘TV7 Dias’, acrescentando que se sentiu em pânico. "Senti-me em risco de vida".

O ator ficou sem o carro, carteira e telemóvel, tendo apresentado prontamente queixa na polícia por assalto e agressões.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo