Julia Roberts enfrenta crise financeira e é obrigada a deixar casa de Los Angeles

Sem rendimentos, a atriz viu-se obrigada a vender o património e a optar por um estilo de vida mais modesto. uma das medidas passa por mudar-se com a família para São Francisco.
Julia Roberts
Julia Roberts e Danny Moder
Julia Roberts
Julia Roberts e Danny Moder
23 mai 2020 • 18:06
Acrise económica provocada pela pandemia de Covid-19 está a trazer problemas financeiros a muitas estrelas de Hollywood. Uma delas é Julia Roberts, que já se viu obrigada a abdicar de grande parte do seu património para fazer face a esta situação difícil.
Apesar de ter uma fortuna avaliada em cerca de 230 milhões de euros, a atriz encontra-se atualmente sem rendimentos - o seu último trabalho foi em 2018, com o filme ‘O Ben Está de Volta’ e a série da Amazon ‘Homecoming’ - e com despesas demasiado elevadas, em grande parte devido às várias propriedades que possui.

De acordo com a ‘In Touch’, Roberts vendeu recentemente a sua mansão em Malibu, na Califórnia. Antes, a atriz já tinha alienado uma penthouse em Nova Iorque e uma casa no Havai. "Ela está a abdicar de algum património para se livrar das despesas, pois ninguém sabe o que vai acontecer", diz uma fonte próxima da atriz à publicação, acrescentando que a estrela de ‘Pretty Woman’ está "cansada da loucura de Hollywood e pretende mudar-se para uma casa mais pequena em São Francisco, onde poderá levar uma vida mais modesta". Roberts, de 52 anos, e o marido, o diretor de fotografia Danny Moder, de 51, tiveram de "encolher" substancialmente os seus gastos face à crise, principalmente no que diz respeito a "hipotecas e despesas com várias propriedades", uma vez que a prioridade do casal é a educação dos três filhos: os gémeos Hazel e Phinnaeus, de 15, e Henry, de 12.

Crise afeta celebridades
Julia Roberts não é a única estrela de Hollywood a sofrer as consequências da pandemia e a crise económica que esta provocou. Katie Holmes, por exemplo, cujas fontes de rendimento caíram substancialmente nos últimos meses e que saiu do divórcio com Tom Cruise apenas com a custódia da filha - Suri, de 14 -, viu os seus trabalhos serem cancelados devido ao surto do novo coronavírus e encontra-se a viver uma fase difícil.

Também Bradley Cooper, Eva Longoria e Justin Timberlake estão a reorganizar as suas vidas e a cortar drasticamente nas despesas. Ainda assim, continuam em risco de perder alguns investimentos feitos antes da crise e ver as suas fortunas reduzidas.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo