Justiça investiga Beauté por violência

Ministério Público abre inquérito após cabeleireiro assumir ter agredido Luís Borges.
Luís Borges e Eduardo Beauté discordam da divisão de despesas dos filhos
Luís Borges, Eduardo Beauté, Lurdes, Bernardo, Nova Iorque
Foto: Duarte Roriz
01 jun 2017 • 01:30
Vânia Nunes
Depois de Eduardo Beauté ter assumido nas redes sociais ter dado "uma surra" que "deixou marcas" ao ex-marido, Luís Borges, o Ministério Público decidiu abrir um processo para investigar o ocorrido, tratando o caso como violência doméstica. 

CM sabe que já foi instaurada a abertura de um inquérito e que, brevemente, os dois vão ser ouvidos no âmbito deste processo.

Recorde-se que Eduardo Beauté e Luís Borges estão em guerra desde que se divorciaram, no ano passado, com o cabeleireiro, de 50 anos, a mostrar a sua revolta pelo facto de o modelo não revelar interesse em estar com os três filhos que têm em comum, Bernardo, de seis anos, Lurdes, de cinco, e Eduardo, de dois.

A guerra parece estar longe de conhecer um fim e, além deste processo, brevemente haverá um novo frente a frente na Justiça, uma vez que Eduardo Beauté pretende que Luís Borges, de 28 anos, deixe de ter qualquer responsabilidade para com os três filhos.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo