Katia Guerreiro: “Já fui traída mas trair não faz o meu género”

A fadista, de 34 anos, actua este sábado no Castelo de São Jorge, Lisboa. Revelou ao 'Vidas' estes segredos:
importa
importa
Foto: Natália Ferraz
24 jun 2010 • 08:24

A fadista, de 34 anos, actua este sábado no Castelo de São Jorge, Lisboa. Revelou ao 'Vidas' estes segredos:

- Qual é o seu maior medo?

- Da morte.

- Alcunha de infância?

- Katucha, mas só para a minha mãe.

- Maior loucura que já fez por amor?

- Muitas, mas todas inconfessáveis.

- Pior mentira que já contou?

- Disse à esteticista que me tinham caído as pestanas de que não gostei.

- Como foi o seu primeiro beijo?

- Foi estranho!

- Local mais exótico onde já fez amor?

- Sou demasiado pudica para contar...

- Parte do corpo de que menos gosta?

- Das pernas.

- Já traiu e ou foi traída?

- Já fui traída mas trair não faz o meu género. 

artigos relacionados
Newsletter
topo