Kelly Bailey: "Não vamos casar já. Há de acontecer..."

Aos 21 anos, a jovem atriz confessa que subir ao altar não está nas prioridades. Neste momento, está focada na vida profissional. o regresso à TVI acontece muito em breve: “Vai ser um ano bom”
Kelly Bailey
Kelly Bailey e Lourenço Ortigão
Kelly Bailey
Kelly Bailey e Lourenço Ortigão
15 fev 2020 • 21:41
A desfrutar de umas "merecidas férias" após o término das gravações da novela ‘Prisioneira’, Kelly Bailey foi surpreendida com os rumores de que estava a preparar o enlace com Lourenço Ortigão. A jovem, de 21 anos, desmistificou agora as especulações. "Já ouvi dizer que íamos casar cinco vezes. Ainda não vamos casar. Não sei porque é uma coisa tão falada, mas há de acontecer um dia. Não pensei nisso ainda. Não vou casar em segredo. No dia em que isso acontecer vou dizer, não há nada para esconder."

Embora não vá subir ao altar, a estrela da ficção nacional não vai falhar as comemorações do São Valentim e até já tem o presente pensado para surpreender o companheiro. "O Dia dos Namorados vai ser a trabalhar, mas à noite espero chegar a tempo de jantar e oferecer uma flor. Ele gosta e eu também. Sou muito fã de Margaridas, mas ainda não decidi qual é que lhe vou dar", adiantou.

Aposta além das novelas
Já a pensar nos próximos desafios profissionais, Kelly Bailey assegura que a TVI vai direcionar as apostas noutros conteúdos: "O canal não quer ficar só pelas novelas. 2020 vai ser um ano bom. Tudo o que tem acontecido até tem sido bom. É um ano que todos nós estamos com coisas guardadas e que queremos contar." E apresentação? "Não é minha vontade fazer algo além da representação, mas teria de pensar. É o meu foco", realçou.

A jovem tem aproveitado o afastamento do pequeno ecrã para dedicar-se aos estudos. "Estou a focar-me a nível de formação, tenho estado também a ter coaching personalizado. É uma coisa entre novelas que nós atores nem sempre temos oportunidade. Defini como obrigatório. Ver filmes, ir ao teatro, ler... Estou com 21 anos, estou numa fase de crescimento", completou.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo