Lady Gaga banida na China

Rádios locais estão impedidas de passar música da cantora.
Dalai Lama, Lady Gaga
Dalai Lama, Lady Gaga
Foto: DR
28 jun 2016 • 11:19

A cantora Lady Gaga decidiu encontrar-se com Dalai Lama nos Estados Unidos da América e foi, consequentemente, banida na China, onde as suas músicas passaram a ser proibidas. 

O partido comunista chinês não viu com bons olhos o encontro de Lady Gaga com o líder espiritual dos budistas tibetanos e tomou medidas imediatas para impedir a transmissão de músicas da cantora em território chinês. 

Dalai Lama está exilado na Índia desde 1959 e é considerado um inimigo da China, relembra o jornal britânico The Guardian, que assegura que não só as rádios passaram a não transmitir canções da diva da Pop, mas também os restantes meios de comunicação social e páginas de Internet estão expressamente proibidos de falar de Gaga. 

As duas personalidades encontraram-se no domingo em Indianápolis e falaram, sobretudo, de assuntos relacionados com saúde mental. Apesar disso, o encontro foi considerado pelas autoridades chinesas como uma demonstração de apoio da cantora à independência do Tibete. 

Lady Gaga não está sozinha na lista de artistas mal vistos na China: junta-se a nomes como Bob Dylan, Miley Cyrus e Jay-Z. 

Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo