"A partir de agora só tenho um filho": Mãe corta relações com Jéssica do 'Big Brother'

Concorrente é rejeitada pela mãe depois de ter desvendado o seu passado no programa. Susana Abreu já avisou a produção que não quer voltar a ser contactada.
Jessica Big Brother
Jessica, 'Big Brother'
Jessica Nogueirão
Jéssica, Big Brother
Jessica Big Brother
Jessica, 'Big Brother'
Jessica Nogueirão
Jéssica, Big Brother
19 jun 2020 • 10:54
Jessica abriu o coração na casa do 'Big Brother' e falou sobre o seu passado dramático com mãe, que sofreu problemas de toxicodependência. Perante Portugal, a concorrente contou que, após a separação dos pais, a mãe ficou com vários traumas que a levaram a cair no vício da droga.

Indignada com a atitude da filha, Susana Abreu quebrou o silêncio e teceu duras críticas a Jessica, depois de esta ter quebrado o acordo que tinham feito antes de entrar no reality-show de nunca falar sobre o passado da família. 

"Da Jéssica afastei-me completamente. Eu mandei mensagem para o contacto do programa, porque era para ir lá apoiá-la. E escrevi: 'Por favor, não me contactem mais para o programa. A partir deste momento só tenho um filho, que se chama Samuel, e a Jéssica não faz mais parte da minha vida. Eu tenho de me afastar das coisas que me fazem mal e já lhe perdoei muito, mas para mim chega'.", disse a mãe de Jessica em declarações à 'TV 7 Dias'. 

Revoltada com as palvaras da filha, Susana acusa-a de egoísmo e de prejudicar a sua vida. "Eu pedi-lhe que não falasse do meu passado, porque eu trabalho com 800 pessoas e é um local muito sério. Eu tenho uma relação boa com a minha chefe, mas se chegar aos ouvidos dela posso ser despedida, porque é um risco para os pacientes ter uma pessoa assim. Eu trabalho com medicamentos", disse garantido que a filha apenas quer "protagonismo".

No que diz respeito ao consumo de drogas, Susana confirma que teve esse problema no passado, mas que não consumia de forma regular como Jéssica mencionou. "Quando entrei na depressão consumi algumas vezes, mas não foi durante anos. Eu nunca fui pessoa de consumir durante anos. Eu nunca fui dependente nenhuma (...), frisou Susana que esteve internada devido ao seu estado psicológico.

Susana referiu à mesma publicação que usava cocaína "para esquecer" mas que nunca foi dependente. Apesar das acusações, a progenitora garante que estar sem cosumir há mais de oito anos. 
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo