Mãe de André Filipe do 'BB' vai pôr baixa para acompanhar recuperação do filho

Recuperação do surto psicótico sofrido na sequência da sua participação no ‘Big Brother’ poderá levar meses. Hélia vai estar a 100% com o jovem.
André Filipe com a mãe
André Filipe
André Filipe
André Filipe com a mãe
André Filipe
André Filipe
10 out 2020 • 12:48
André Filipe está a recuperar bem depois do surto psicótico que sofreu devido à pressão na casa do ‘Big Brother’ (TVI), no entanto, o caminho ainda é longo e a mãe, Hélia Monteiro, teme que o jovem de 25 anos não esteja preparado para enfrentar o mundo fora do hospital, onde ficou internado no dia 24 de setembro.

Consciente das fragilidades do filho, Hélia vai dedicar-se a 100% ao seu tratamento e, para isso, terá de deixar de trabalhar. "Vou ter mesmo de o acompanhar, não há outra forma", começou por revelar à ‘Vidas’. "Quando o André sair do hospital vou ter de meter assistência à família".

De acordo com a psicóloga Joana Amaral Dias, recuperar de um surto psicótico como o que André Filipe sofreu pode demorar vários meses. "Há muitos fatores que determinam o sucesso da recuperação, como o apoio familiar, a idade, o facto de ter sido ou não o primeiro episódio, o cumprimento da medicação, mas o caso do André é complicado, devido a toda à exposição que sofreu. Diria que poderá levar até um ano, fazendo fé que ele não volta a ter outro surto", explicou.

REALIDADE
Nos últimos tempos, os médicos que acompanham André Filipe no Hospital do Barreiro têm sido ocupados a "prepará-lo para o confronto com a realidade". Hélia também tem tentado "enquadrá-lo" quando falam ao telefone.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo