Manuel Luís Goucha arrasado após polémica com André Ventura

Apresentador da TVI reagiu às críticas feitas a Olavo Bilac, por este ter atuado num evento do partido Chega.
Manuel Luís Goucha, Iva Domingues, Diogo Faro
André Ventura com Olavo Bilac
Iva Domingues
Manuel Luís Goucha, Iva Domingues, Diogo Faro
Manuel Luís Goucha, Iva Domingues, Diogo Faro
Manuel Luís Goucha, Iva Domingues, Diogo Faro
Diogo Piçarra, Olavo Bilac
Diogo Piçarra, Olavo Bilac
Manuel Luís Goucha, Iva Domingues, Diogo Faro
André Ventura com Olavo Bilac
Iva Domingues
Manuel Luís Goucha, Iva Domingues, Diogo Faro
Manuel Luís Goucha, Iva Domingues, Diogo Faro
Manuel Luís Goucha, Iva Domingues, Diogo Faro
Diogo Piçarra, Olavo Bilac
Diogo Piçarra, Olavo Bilac
12 ago 2020 • 13:20

A polémica está instalada. Após tirar uma fotografia com André Ventura e ter atuado num comício do partido Chega, o cantor Olavo Bilac foi alvo de duras críticas nas redes sociais, sendo forçado a emitir um pedido de desculpas público. Todavia, houve quem o defendesse, tal como Manuel Luís Goucha, que se pronunciou sobre a polémica nas redes sociais, acabando por ser criticado por várias figuras públicas como os apresentadores Iva Domingues e o humorista Diogo Faro.

"Olavo Bilac atuou num jantar do Chega. Trabalho é trabalho… depois tirou uma foto e pelos vistos foi arrasado nas redes sociais a ponto de se ter visto obrigado a dar explicações no seu Instagram. A única coisa que vejo de errado nesta foto é o facto de não ter sido respeitado o distanciamento físico", começou por escrever o comunicador da TVI na legenda da fotografia que partilhou de Olavo Bilac com André Ventura.

"Pois eu, tanto tiro uma foto com André Ventura como com Catarina Martins, se mo pediram, claro, e a metro e meio de distância de cada um. Já agora uma pergunta, que estou de férias e posso ter perdido alguma coisa: já não vivemos em democracia? (agora podem-me arrasar à vontade…que não dou explicações. Já chega!)", afirmou.

Após a partilha, Iva Domingues, não ficou indiferente e reagiu: "Quero apenas recordar que depois do ataque de tiro a uma discoteca gay, que matou 49 pessoas em Orlando, nos EUA, a extrema direita cristã veio comemorar! Lembrar ainda que Irão, Arábia Saudita, Iémen, Nigéria e Somália mantêm ainda hoje, a pena de morte para homossexuais (nenhum destes países é de esquerda)", disse.

À semelhança da apresentadora, o apresnetador Diogo Faro não poupou nas críticas ao anfitrião do ‘Você na TV’: "Manuel Luís Goucha: convida neonazis para o programa para falar de como a vida é bela; está sempre também a dar palco à ‘facharrita’ para elogiar o Trump, Bolsonaro e Ventura; Teve lá anos o Quintino Aires a dizer coisas como ‘a maioria (dos ciganos) vive dos subsídios, ou trafica droga e não trabalha (…) é casado com um gajo que faz posts xenófobos e que é contra o acolhimento de refugiados (…)", afirmou.

"Vivemos, Manelito. Uma democracia que ainda luta todos os dias, por exemplo, pelos direitos LGBT+ que os ‘fachos’ querem revogar. Uma democracia onde, para o bem e para o mal, as mais famosas figuras públicas do país podem fazer posts a normalizar a extrema-direita. Ah, o privilégio é mesmo uma coisa linda. Pena que mate tanto quem não o tem", rematou.

Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo