Meghan furiosa com a rainha: "Ela sentiu-se insultada"

Aumenta o mal-estar entre os duques de Sussex e a família real britânica.
Rainha Isabel II, Meghan Markle
Rainha Isabel II, Meghan Markle
27 fev 2020 • 19:29
Faltam poucos dias para Harry e Meghan Markle terminarem a sua ligação à casa real britânica e a verdade é que a rutura acontece em clima de grande mal-estar.

De acordo com o jornal 'Daily Mail', o ambiente agravou-se quando a rainha Isabel II enviou um comunicado em que proibia terminantemente os duques de explorarem a marca Sussex Royal e ganharem dinheiro às custas da realeza.

Os duques acataram a decisão, mas fizeram questão de demonstrar, através de um advogado, que o poderiam fazer, se quisessem nos Estados Unidos.

O comunicado da rainha provocou, segundo fontes, um ataque de fúria a Meghan que o viu como uma humilhação pessoal. "Eles sentem-se insultados, como se quisessem ganhar dinheiro a usar a realeza", começa por contar uma fonte, acrescentando que a atriz e Harry acham que estão a ser vítimas de uma vingança. "Sentem tudo isto como uma retaliação por terem decidido ser financeiramente independentes".

Segundo revelou a amigos, Meghan acredita que a rainha foi pressionada por outros membros da família real a escrever este comunicado. "Ela acredita que a rainha está debaixo de pressão porque Harry sempre foi o seu neto favorito, e há muitos ciúmes. Mas Meghan e Harry são fortes e vão superar tudo", diz a fonte.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo