Mónica Sintra finge atropelamento para perseguir Diogo Infante: "Liguei para a GNR para saber onde ele morava"

Cantora revelou episódio insólito por idolatrar o ator.
Mónica Sintra
Mónica Sintra
Mónica Sintra
Mónica Sintra
Mónica Sintra
Mónica Sintra
11 mai 2021 • 11:30
Mónica Sintra lembrou um episódio insólito dos tempos de adolescência durante o 'Passadeira Vermelha', na SIC Caras. Confessou que era uma grande fã de Diogo Infante e que tentou de tudo para privar com o seu ídolo, inclusive denunciá-lo às autoridades. 

"O Diogo tinha um carro descapotável vermelho e estava sempre a passear em Sintra. Eu tirei a matrícula e para saber onde ele morava, liguei para a GNR [Guarda Nacional Republicana] e disse que aquele carro tinha atropelado o meu cão e que precisava de saber a morada do senhor. Não me deram", contou muito envergonhada, entre risos.

A revelação surpreendeu a apresentadora Liliana Campos e os comentadores Nuno Azinheira e Raquel Prates, que não controlaram as gargalhadas. "Diogo peço imensa desculpa. Tinha 12/13 anos", lamentou a cantora.

A carregar o vídeo...
Cantora revela admiração pelo ator.


Mónica lembrou ainda a primeira vez que esteve pessoalmente com o ator, mas manteve segredo da 'loucura' que havia feito anteriormente. "Mais tarde ele apresentou um programa na RTP e eu fui assistir a várias emissões na plateia. Eu não estava lá a bater palmas, estava só a admirá-lo".

"Ainda por cima acho que ele é uma excelente pessoa", completou.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo