Nadador-salvador da Nazaré: “Era estranho salvar pessoas nuas”

Magoou as costas numa rocha para salvar uma criança.
Nadador-salvador da Nazaré, Daniel Meco
Nadador-salvador da Nazaré, Daniel Meco
Foto: Carlos Barroso
02 jul 2019 • 01:30
Daniel Meco tem 50 anos e é nadador-salvador na Nazaré, terra onde nasceu. Escolheu esta profissão porque, diz, é "uma área que adoro e em que me sinto bem".

Salvar vidas é o que me motiva", relata este veterano.

CM - Qual o pedido mais exótico que lhe foi feito?
Daniel – Foi um casal com deficiência, um sem uma perna e outro era deficiente motor e que me pediram para ir ao banho em conjunto. Normalmente levamos um de cada vez e tive de arranjar forma de os levar num dia calmo, com condições de segurança asseguradas. Mas deu-me grande prazer vê-los juntos na água.

CM - Qual a situação mais estranha que viu na praia?
Daniel – Foi no Salgado, uma praia da Nazaré com nudistas e pessoas com fato de banho, onde ambos se respeitam. Inicialmente era estranho fazermos patrulhamento aqui e sermos solicitados para salvamento de pessoas nuas, mas habituámo-nos e agora é normal. Também acontece fazermos salvamentos em que a pessoa fica nua, porque o mar a despe, e nesses casos, antes de as tirarmos da água, se possível, tentamos tapá-las com uma toalha.

CM - Já lhe fizeram alguma proposta irrecusável?
Daniel – Nunca me fizeram mas já tiveram conversas estranhas quando estava no posto. Uma senhora perguntou-me se eu sabia onde se compravam eletrodomésticos na Nazaré.

CM - Momento de maior risco que viveu?
Daniel – Quando estava a chegar à praia havia três pessoas dentro de água, uma delas uma criança de seis anos, arrastadas pela corrente. O mar estava muito forte e fui resgatar o miúdo, que estava mais longe, e tive de sair na zona das rochas. Tive de me atirar para cima de uma pedra e fiquei com as costas todas esfoladas para salvar a criança, o que consegui. Ainda voltei para ajudar outra pessoa.

CM - Os veraneantes devem frequentar a sua praia porque…
Daniel – Temos uma das melhores equipas de nadadores-salvadores do País. Fazemos um trabalho preventivo muito grande que salva muitas vidas.
Mais sobre
Newsletter
topo