"O meu objetivo é alertar para machismos": Júlia Palha responde a seguidora

Atriz nega que se queira “gabar” da sua beleza e afirma que pretende lutar contra estereótipos no mercado de trabalho.
Atriz já fez alguns trabalhos como manequim
Atriz já fez alguns trabalhos como manequim
Foto: Direitos Reservados
02 abr 2021 • 01:30
Vânia Nunes
Aos 22 anos, Júlia Palha é considerada uma das atrizes mais bonitas e promissoras da sua geração, no entanto, faz questão de lutar contra rótulos. Num entrevista recente afirmou que tem "medo de viver para sempre no estigma da mulher bonita". Uma frase que gerou alguma controvérsia e lhe valeu um bate-boca na internet com uma seguidora.

"Não te preocupes, o bonito ou feio é subjetivo. Não te acho assim tão bonita", pode ler-se no comentário deixado no Instagram da atriz de ‘A Serra’ (SIC). A resposta não demorou a surgir. "A beleza é algo, de facto, muito subjetivo (...). Nunca tive no meu discurso o objetivo de me ‘gabar’ do que quer que fosse em mim, mas sim de alertar para machismos, injustiças e estereótipos que sei que ainda existem no mercado de trabalho", começou por escrever.

Júlia Palha terminou o seu texto com uma mensagem de confiança. "Já que fez questão de ser fútil e mal-educada, digo-lhe que me considero uma mulher bonita, sim, porque não há nada mais importante que acreditarmos em nós mesmas. Não concorda com a minha opinião? Que bom! Que chatice que seria o mundo se todos tivéssemos o mesmo ideal de beleza." A discussão continuou e a atriz irritou-se. "Acredite que ter pachorra para aturar ressabiadas da internet é algo que não me vai passar com a idade".
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo