Os reis da sensualidade: Serrano e Cerdeira celebram vitória

Atores fazem furor pela sua beleza e vencem passatempo do CM.
Fernanda Serrano
antonio pedro cerdeira
Vanessa Rebelo
Mauro Jesus
Sofia Ribeiro
António Raminhos
Fátima Lopes estilista
Ruben Rua
Fernanda Serrano
antonio pedro cerdeira
Vanessa Rebelo
Mauro Jesus
Sofia Ribeiro
António Raminhos
Fátima Lopes estilista
Ruben Rua
01 set 2020 • 01:30
Vânia Nunes
Já são conhecidos os vencedores da edição deste ano do mítico passatempo do Correio da Manhã, Sexy Vidas. Aos 46 anos, Fernanda Serrano volta a ser considerada a mulher mais sexy do País na categoria Sexy TV. Entre os homens, foi António Pedro Cerdeira quem levou a melhor e mostra-se radiante. “Foi uma honra estar nomeado com colegas tão talentosos. Acho este passatempo uma iniciativa muito gira para o verão”, revelou o ator, de 50 anos, dedicando o prémio à mãe, Dinora Manuel, que morreu no ano passado. “Eu já estive nomeado várias vezes e ela adorava acompanhar as votações, por isso acaba por ser uma vitória muito simbólica”, disse, emocionado.

Na categoria Sexy Sport, Vanessa Rebelo reuniu as preferências dos leitores pelo segundo ano consecutivo. “Numa altura de pandemia, estes são aqueles miminhos que sabem sempre bem”, disse a mulher de Simão Sabrosa. Na ala masculina, Mauro Jesus, um estreante na tabela, foi o vencedor. “Foi uma surpresa, não estava à espera desta nomeação e muito menos de ganhar”, disse o filho de Jorge Jesus.

Entre os nomes da categoria Sexy Net, a votação foi renhida até ao fim entre António Raminhos, Vasco Palmeirim e a Nuno Markl, mas foi o primeiro a sair vencedor. “Ganhar esta competição é a prova de que 2020 está mesmo a ser um ano estranho”, brincou o humorista.

Na mesma categoria, foi Sofia Ribeiro a distinguir-se entre as outras nomeadas.

Entre a categoria que destaca a sensualidade nas Artes, Fátima Lopes foi a vencedora. “No meio da azáfama do trabalho é uma ótima notícia. Depois das férias acho que foi a melhor novidade que recebi. É muito simpático, sobretudo aos 55 anos”, confidenciou a estilista. Entre os homens, também foi um nome da moda a ganhar: o manequim Ruben Rua. “Fico feliz. Apesar de se premiar a beleza e sensualidade, sei que aquilo que faço profissionalmente conta e contou em cada um dos votos, que naturalmente agradeço.”
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo