Pai mostra fotos nunca vistas da infância de Meghan Markle

Numa nova entrevista, Thomas Markle recorda os anos bons passados ao lado da filha e acredita que nunca mais irá estar a seu lado.
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
Meghan Markle
23 jan 2020 • 15:55
Thomas Markle deu uma entrevista ao Channel 5 em que recorda o passado feliz ao lado da filha, Meghan Markle.

O pai da duquesa diz que os dois sempre tiveram uma relação bastante feliz e que as coisas só mudaram quando a filha começou a sair com o príncipe Harry. "Mesmo depois de já estar lançada na carreira de atriz, via-a três a quatro vezes por semana. Tudo mudou quando ela conheceu Harry, que eu nunca cheguei a conhecer", revela.

Ao longo do documentário de mais de uma hora, Thomas mostra várias imagens inéditas de Meghan na infância, em ambiente familiar e de felicidade. E recorda o dia do nascimento da filha, há 38 anos, como um dos mais felizes da sua vida. "Quando ela nasceu eu estava muito feliz. Quando peguei nela ao colo pela primeira vez, vi a carinha dela e os dedinhos dela agarraram os meus... Aquilo foi amor! Eu sabia que ela ia ser especial. Aquela miúda era linda e eu estava apaixonado por ela", revela.

O pai, que admite ter chorado ao assistir em privado ao casamento da filha com Harry, garante que sempre soube que a filha tinha talento para a representação e iria chegar longe. Diz, no entanto, que ao inteirar-se que Meghan ia entrar para a família real, sofreu por antecipação.

"Eu passei pelo mesmo. Quando eu estava com a mãe da Meghan, as pessoas olhavam para a Doria como se fosse uma doma de casa. Não era justo. E eu vi logo que ela ia passar pelo mesmo problema com a família real, por causa das questões raciais. Acho que eles não sabem onde a colocar. Ela parece sempre assustada. Ela parece-se com um veado quando fica encandeado".

Triste com o desfecho da situação familiar, Thomas admite ter saudades dos tempos bons passados com a filha, mas diz que será difícil reverter a situação e que nunca mais deverá ver a filha.



Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo