Palácio tenta “descredibilizar” a série Harry e Meghan

A série de Harry e Meghan foi lançada em dezembro de 2022 na Netflix
25 jan 2023 • 18:31

Liz Garbus, realizadora da série documental "Harry e Meghan", garante que contactou o Palácio de Buckingham para comentar a série, de acordo com a Vanity Fair. Reforça ainda que "fizeram isso para nos descredibilizar e ao fazerem isso, descredibilizaram a série".

Uma fonte da realeza confirmou à revista People que tanto o palácio de Buckingham e o Palácio de Kensington receberam um email por parte de uma produtora, mas que o remetente era desconhecido. Contudo, não obtiveram resposta, quando entraram em contacto com a Netflix e com a Archewell para confirmar quem tinha enviado o email.

No primeiro episódio, há uma nota que afirma que "os membros da família real negaram-se a comentar o conteúdo da série". A série atingiu os recordes de audiência e os três primeiros episódios alcançaram 81,55 milhões de horas de visualização na estreia.

Mais sobre
Newsletter
topo