"Precisava de tempo para me afastar", admite Tony Carreira após morte da filha Sara

Cantor confessou que afastamento o levou a sentir saudades de estar em palco.
Tony Carreira voltou aos palcos
Tony Carreira voltou aos palcos
Foto: Vítor Mota
09 dez 2021 • 01:30
Carolina Cunha
Tony Carreira admitiu que teve necessidade de se afastar do meio artístico para ter saudades de voltar a subir ao palco, depois de ter vivido um período conturbado com a morte da filha, Sara Carreira, de 21 anos, há precisamente um ano. "Precisava de um tempo para me afastar, afastei-me e rapidamente senti saudades dos palcos", disse no vídeo de promoção do seu novo álbum, que tem o título ‘Recomeçar’, partilhado através da conta pessoal de Instagram.

O novo trabalho do cantor românico de 57 anos teve entrada direta para o top nacional de vendas, alcançando o galardão de ouro, o que significa mais de 7500 álbuns vendidos.

Tony Carreira já revelou que encontra alento nos palcos, por isso fez questão de preencher a agenda do próximo ano com concertos. Só em março tem 25 espetáculos confirmados. "Há uma necessidade para mim de cantar. O palco é o sítio onde me sinto menos mal. Quantos mais [espetáculos], melhor. Tenho mais de 100 concertos agendados para o próximo ano. Penso que vamos ter 150", anunciou recentemente. Os dois filhos, David e Mickael, também têm sido um apoio fundamental.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo