Princesa Leonor de Espanha em quarentena após caso de Covid-19 na escola

Filha mais velha dos reis de Espanha volta para casa depois de uma colega de turma ter testado positivo.
Sofia e Leonor regressaram esta  semana à escola, onde reencontraram os colegas que já não viam há vários meses
Sofia e Leonor regressaram esta semana à escola, onde reencontraram os colegas que já não viam há vários meses
Foto: WireImage
13 set 2020 • 03:42
Sónia Dias
O regresso à escola não correu da melhor forma para as filhas dos reis de Espanha. Depois de, a meio da semana, terem retomado as aulas no colégio privado Santa María de los Rosales, em Madrid, uma colega da princesa Leonor testou positivo à Covid-19, o que obrigou a escola a colocar toda a turma de quarentena.

Neste sentido, a princesa das Astúrias seguirá as regras e as indicações sanitárias, bem como os reis e a infanta Sofia, revelou a Casa Real. A jovem terá assim que ficar em confinamento durante 14 dias, como medida de prevenção, acompanhando as aulas online.

Apesar do sucedido, Filipe VI e a mulher, Letizia, vão manter a agenda oficial, e a infanta Sofia continuará a ir à escola.
Na quarta-feira, Leonor, de 14 anos, e Sofia, de 13, iniciaram, o ano letivo, enquanto Espanha volta a enfrentar subida de infetados pelo novo coronavírus. Os pais fizeram questão de acompanhar as filhas até ao estabelecimento de ensino, ajudando-as a enfrentar alguma ansiedade. À entrada da escola, Leonor e Sofia foram sujeitas à medição de temperatura por um funcionário destacado para o efeito, de forma a garantir que não tinham febre. Além disso, as jovens mantiveram-se sempre com máscara.

O uniforme utilizado pelas filhas dos reis de Espanha também não passou despercebido, com as irmãs a exibirem mochilas decoradas com porta-chaves alusivos à saga Star Wars.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo