Produtor musical destruiu Ferrari

Problema de travões na origem do desastre que teve lugar no Autódromo do Estoril.
Álvaro Ramos é produtor musical e trouxe os U2 a Portugal
Produtor, Renascença, Ferrari, acidente, estoril. musica, Álvaro Ramos, Autódromo
Foto: Direitos Reservados
18 abr 2017 • 01:30
Hugo Real
O produtor musical Álvaro Ramos, da Ritmos e Blues, empresa responsável por trazer a Portugal grupos como os U2 ou, mais recentemente, Bruno Mars, sofreu um violento acidente enquanto conduzia o seu Ferrari 488 GTB no Autódromo do Estoril, no passado dia 8 de abril. Uma falha nos travões terá estado na origem do desastre, que destruiu um carro avaliado em cerca de 300 mil euros.

Apesar disso, o empresário e o copiloto escaparam ilesos.

Contactado pelo CM, Álvaro Ramos, um entusiasta de automóveis e da velocidade, garantiu que se encontra "bem" após o acidente, que só quer esquecer.

"Quero deitar isto para trás das costas. Para já, é um assunto sobre o qual não quero falar", disse.

Contudo, e segundo apurou o CM, o produtor terá mesmo ponderado processar a Ferrari, já que poucos dias antes do despiste o carro terá estado na oficina e os travões foram considerados em condições normais.

Entretanto, as imagens do incidente foram disponibilizadas no YouTube e o vídeo do acidente com o Ferrari já conta com mais de 111 mil visualizações.
Mais sobre
Newsletter
topo