Rainha Isabel II chocada com escândalo de droga no Palácio

A monarca ficou surpreendida com a detenção de um dos funcionários.
Rainha Isabel II
Rainha Isabel II
Rainha Isabel II e Kate Middleton
Rainha Isabel II e Filipe
Meghan Markle e Rainha Isabel II
Rainha Isabel II e príncipe Carlos
Rainha Isabel II
Rainha Isabel II
Rainha Isabel II recusa ajuda a a plantar árvore aos 93 anos de idade
Rainha Isabel II
Rainha Isabel II
Rainha Isabel II e Kate Middleton
Rainha Isabel II e Filipe
Meghan Markle e Rainha Isabel II
Rainha Isabel II e príncipe Carlos
Rainha Isabel II
Rainha Isabel II
Rainha Isabel II recusa ajuda a a plantar árvore aos 93 anos de idade
05 ago 2020 • 19:35

Isabel II foi confrontada com um novo escândalo que a deixou em choque. 

Além dos problemas familiares que se têm feito sentir na família real britânica, agora, um dos funcionários foi detido por posse de droga.

Segundo o 'DailyMail', a Polícia Militar Real descobriu no Palácio de St. James nove sacos de cocaína e cetamina nos pertences de um dos guarda-costas de sua majestade. A investigação está em curso e o militar que prestava serviço à mãe do príncipe Carlos já foi levado pelas autoridades.

De acordo com a mesma publicação,o funcionário, guarda-costas da monarca de 93 anos, foi retirado de imediato das funções e impedido de comparecer em cerimónias reais. 

"Podemos confirmar que um soldado da Coldstream Guard foi preso por suspeita de crime de drogas pela Polícia Militar Real", confirmou um porta-voz do exército. 

De momento, as autoridades estão a investigar de que forma o soldado em questão conseguiu transportar as substâncias ilícitas para o interior do loca, que, apesar de não ser a residência oficial da família real, é local de culto que deve ser respeitado. 

Enquanto a investigação estiver em curso, o regimento de guardas vê-se obrigado a redobrar a segurança da família real britânica e assegurar o bom funcionamento do Palácio de St. James.

Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo