Sandrina do 'Big Brother' recorda sofrimento que a levou a tentar o suicídio

A finalista do reality show recordou a fase difícil que viveu por sofrer de bullying.
Sandrina 'Big Brother'
Sandrina
Sandrina do 'Big Brother'
Sandrina do 'Big Brother'
Sandrina 'Big Brother'
Sandrina
Sandrina do 'Big Brother'
Sandrina do 'Big Brother'
07 ago 2020 • 18:00
Sandrina, que conquistou o sexto lugar na final do 'Big Brother', recordou durante a emissão desta sexta-feira do 'Você na TV' que já pensou suicidar-se.

Em conversa com Maria Botelho Moniz, a ex-concorrente recordou o dia em que decidiu acabar com a própria vida e admitiu que o que a 'travou' foi pensar o quanto a mãe ia sofrer com a sua morte, tal como já tinha falado ainda na casa mais vigiada do país durante o desafio 'Curva da vida'. 

"Tomei muitos comprimidos. A minha mãe estava de rastos, ouvia os meus gritos. Foi a pior coisa", disse, na altura. "A minha mãe tem muito orgulho em mim mas nessa altura fui a pior filha do mundo", contou ainda.

"Passaste já por muito", disse a apresentadora do programa das manhãs.

"Já passei e eu ainda não tinha saído dos braços da minha mãe", confessou, sobre ter entrado no reality show e se ter sentido "perdida".

No entanto, Sandrina garante que tem "muito orgulho" em ser de etnia cigana. 

Sandrina admitiu ainda que a surpreendeu ter chegado à final do programa. 


Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo