Saúde frágil de Pinto da Costa gera preocupação

A poucos dias de completar 83 anos, líder do FC Porto sentiu-se mal durante as cerimónias fúnebres do amigo de sempre Reinaldo Teles
Pinto da Costa
 Jorge Nuno Pinto Da Costa e Sérgio Conceição
 Jorge Nuno Pinto Da Costa
Pinto da Costa
 Jorge Nuno Pinto Da Costa e Sérgio Conceição
 Jorge Nuno Pinto Da Costa
05 dez 2020 • 20:01
Com uma saúde frágil, Jorge Nuno Pinto da Costa, que faz 83 anos no fim do mês, tem passado dias difíceis. O presidente do FC Porto despediu-se do seu braço-direito e amigo de longa data Reinaldo Teles, que morreu vítima de Covid-19, aos 70 anos.

Nas cerimónias fúnebres, não conseguiu conter as emoções e acabou mesmo por se sentir indisposto, tendo que abandonar mais cedo a homenagem, que contou, na missa de corpo presente, na igreja do Bonfim, no Porto, com a presença de várias personalidades ligadas ao mundo do futebol.

Depois de ter deixado palavras de conforto à família do amigo e de se ter sentido mal, Pinto da Costa foi rapidamente auxiliado a entrar no carro e encaminhado para o interior do estádio. Já nas instalações, saiu da viatura pelo próprio pé. Tudo não passou de um susto, no entanto, a saúde do líder dos Dragões não deixa de preocupar os mais próximos, principalmente no contexto de pandemia.

O presidente portuense é um doente de risco e já se submeteu a vários tratamentos e cirurgias nos últimos anos, como a que fez ao coração, em 2012, e para extração da vesícula, em 2015.

Mais recentemente, em 2017, deixou a família e os amigos apreensivos, após ter sofrido uma aparatosa queda durante a noite, em sua casa, que resultou na fratura de três costelas. Após dez dias internado, teve alta hospitalar e continuou a recuperação em casa.

Há precisamente um ano, durante um discurso que marcou as celebrações do seu 82.º aniversário, Pinto da Costa deixou claro que o seu desejo seria desfrutar melhor da companhia de quem se preocupa consigo. "Que o tempo que cá andar não seja um tempo extra, porque isso faz-me lembrar papagaios e cartilheiros. Não quero passar esse tempo extra a pensar nos meus inimigos, que me odeiam, mas sim a estar com quem nos ama. Só assim valerá a pena viver." E uma das suas companhias favoritas tem sido a neta, Jasmim, filha de Joana Pinto da Costa, nascida em março último.

VIDA AMOROSA
Também no plano amoroso, o líder azul-e-branco vive dias de instabilidade. No verão, Pinto da Costa voltou a aproximar-se da antiga companheira, Fernanda Miranda, que se tinha separado do empresário Miguel Osório, meses depois de ter sido mãe. Porém, nessa altura, a antiga namorada, Cláudia Campo, ainda não tinha saído de casa.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo